Tudo da Florida

Dicas para passar na Entrevista do Visto Americano no Consulado

Dicas para passar na Entrevista do Visto Americano no Consulado

Neste post:

Dicas para passar na Entrevista do Visto Americano no Consulado 

Nós sabemos que essa é a etapa mais temida do processo, e por isso resolvemos fazer essa matéria sobre Dicas para Passar na Entrevista do Visto Americano no Consulado. Confira todas as dicas:

Dica Número 1: 

Fique calmo! Ao contrário que muitos dizem para colocar medo, não é nenhum monstro de 7 cabeças.

Não precisa ir com medo do agente consular, eles são educados, já sabem tudo sobre você e sua família, pois tem em seu computador o formulário DS160 que você preencheu e a única e exclusiva intenção é de certificar que as informações estão corretas.

O agente consular vai te fazer perguntas para analisar como você irá responder, ou seja, se gaguejar ele provavelmente vai te pedir um documento pra comprovar o que você disse ou vai te negar direto.

Dica Número 2: 

Dê respostas curtas e diretas! Sem ficar enrolando na resposta ou contando histórias.

Se o agente perguntar para o Fulano, não responda. Fulano que tem que responder, mesmo que o Fulano seja uma criança.

Quando eu fui tirar meu primeiro visto de Turista/Negócios B1/B2, uma mãe com um filho teve seu visto negado na minha frente. Acompanhei todas as perguntas que foram feitas pra ela e vou relatar aqui para exemplificar:

A tia da Criança morava aqui em Orlando e a mãe estava tirando o Visto somente da criança pra vir pra casa da tia.
A agente que estava fazendo a entrevista perguntou a criança: "O que você vai fazer lá?" A criança demorou a responder e a mãe respondeu.
A agente foi bem curta e direta e disse: "Eu perguntei pra ele, ele que tem que responder." O menino não respondeu nada e ela simplesmente disse: "O visto foi negado"

Ou seja, isso tudo poderia ser evitado se o menino tivesse respondido como exemplo: Conhecer a Disney.
Tudo bem que as vezes a criança e a mãe não estavam preparados pra isso e a situação da mãe não ir junto na viagem estava um pouco estranha, mas aconteceu.

Dica Número 3: 

Leve o máximo de documentos que puder como garantia. Eu já fiz 2 processos de entrevista e somente na entrevista pro visto de estudante que me pediram o I-20 como documento. De resto, só me fez perguntas e nada mais.

Porém, há diversos casos que o agente pede documentos comprobatórios que mostram vínculo com o Brasil que te faça voltar. Basicamente, a maior preocupação deles é saber se você está indo de vez pra ficar ou realmente só vai com aquela finalidade e vai voltar.

Ou seja, se você está indo realmente só com a finalidade pela qual você está aplicando, tenha certeza que as chances de aprovação são de quase 100%.

Eles não querem que o visitante vá para os EUA e decida ficar e morar ilegalmente. Eles querem ter certeza de que você voltará ao Brasil, por algum motivo. E esse motivo precisa ser claro. Se você for um aposentado, funcionário ou dono de alguma empresa, excelente! Agora se for desempregado, nem que esteja cursando uma faculdade, que você irá precisar voltar pra terminar,  tenha uma casa própria ou um carro em seu nome no Brasil, suas chances vão ser bem menores, porém não impossível!

Quanto mais vínculos você tiver com o Brasil, melhor para você. Mais chances você tem de ter o seu visto aprovado.

Documentação: 

  • Todos os formulários de visto que você preencheu na internet
  • Agendamento da entrevista
  • Página de confirmação impressa.
  • Passaporte
  • Documentos de identidade (RG, CPF, Certidão de Nascimento ou  Certidão de Casamento se for casado)
  • Contracheque ou Holerite
  • Imposto de renda
  • Extrato bancário dos últimos 3 meses
  • Comprovante de matrícula ou boleto de Faculdade, Pós Graduação, Mestrado, Doutorado, etc..

Tudo que puder levar para comprovar vínculo com Brasil leve, mas só mostre se o agente pedir. Caso contrário nem precisará abrir a sua pastinha.

As Perguntas 

A entrevista é rápida e as perguntas serão objetivas (em português).
Não minta 🤥 e seja sempre direto em suas respostas! Se te perguntarem, por exemplo, se você gosta de laranja, a resposta tem que ser: sim ou não.

Alguns Exemplos comuns que podem ser questionados e exemplos de respostas diretas:

Com o que você trabalha? Há quanto tempo?

Exemplo de resposta 1: Sou.. (sua profissão). Há 4 anos.
Exemplo de resposta 2: Não trabalho. Sou Estudante.

Por quê deseja viajar para os Estados Unidos?

Exemplo de resposta 1: Quero conhecer a Disney.
Exemplo de resposta 2: Quero abrir uma empresa.

Qual cidade deseja conhecer?

Exemplo de resposta objetiva: Orlando e Miami.

Com quem está indo viajar?

Exemplo de resposta 1: Com minha esposa.
Exemplo de resposta 2: Com um grupo de 5 amigos.

Quantos dias pretende ficar?

Exemplo de resposta objetiva: 15 dias.

Sabe falar inglês?

Exemplo de resposta: Sim ou Não!

Tem parentes que moram nos Estados Unidos?

Exemplo de resposta: Sim ou Não!

 

Alguns Exemplos comuns que podem ser questionados no visto F1/F2 Estudante e exemplos de respostas diretas:

Por quê você quer aprender a língua inglesa?

Exemplo de resposta direta: Para conseguir uma melhor colocação no mercado de trabalho.

Por quê escolheu Miami para estudar?

Exemplo de resposta: Por ter um clima parecido com a minha cidade natal.

Por quê escolheu essa instituição?

Exemplo de resposta: Por ter boas avaliações no Google.

Tem parentes que moram nos Estados Unidos?

Exemplo de resposta: Sim ou Não!

Aparência: 

Eu por exemplo fui de camisa social e calça jeans, minha esposa de camisa polo e calça jeans.
Não precisa colocar terno, mas também não vá de bermuda e boné. Nada muito extravagante mas também não relaxado.

Horário: 

Programe-se para chegar 30 minutos antes. Se acontecer qualquer coisa, você terá tempo de sobra pra não ficar desesperado e chegar lá pingando de suor e sem ar de tanto que correu.

As filas: 

Antes de passar pela primeira fila, você não poderá entrar com nenhum equipamento eletrônico. Ou seja, só leve o que for realmente necessário, pois você precisará pagar para deixar guardado fora do consulado. No Rio de Janeiro, a banca de jornal que fica quase em frente que guarda os pertences dos entrevistados.

A Segunda fila é a que antecede a última que te levará para o agente. Nessa etapa deixe seu passaporte pronto para entregar ao funcionário que estará ajudando na organização das filas.

A terceira fila é a menor delas, onde você já será redirecionado para o agente que irá fazer sua entrevista. Você vai conseguir ouvir a entrevista das pessoas que foram na sua frente, com isso, uma dica importante é para que você preste atenção nas perguntas, respostas e se espelhe nos que tiveram o visto aprovado.

Resumindo: 

Você agora já sabe que não é como muitas pessoas contam para aterrorizar e as vezes querer até vender curso ou consultoria, então tenho certeza que irá pra entrevista mais calmo.

O pulo do gato está em dar respostas diretas e curtas e seguindo o que você colocou na DS-160.

Leve o maior número de documentos possível, pois isso vai te tranquilizar, e se o agente pedir, você terá para mostrar.

Temos certeza que dará tudo certo e se puder, depois que tiver o visto aprovado, nos mande uma mensagem contando como foi. Vamos adorar saber!

Boa sorte e nos vemos na Florida!



Se gostou dessa matéria de Dicas para Passar na Entrevista do Visto Americano no Consulado, você também pode gostar da nossa matéria sobre: Como Emitir o Visto B1/B2 Negócios/Turismo. Confira!